NOSSA HISTÓRIA
Nossa história começa com Constante Baptistella, o qual vivendo a crise do café da década de 20 observa uma nova oportunidade no comércio de laranjas. Dessa forma, adquire uma propriedade na cidade de Limeira, no interior de São Paulo, dando início a uma pequena plantação de laranjas. Com trabalho familiar, executa todas as etapas da produção – como colheita, embalagem e transporte. A estagnação da comercialização local induz a busca de novos mercados. A cidade escolhida é São Paulo e o local o mercado velho da rua 25 de Março (conhecido na época como Mercado das Estrelas).
Em 1955 na quarta festa da laranja, ganha o primeiro prêmio da melhor “Mexerica” e “Laranja Lima” resultado de seu esforço no setor. A empresa, agora liderada pelos irmãos, dando continuidade ao se projeto de expansão no ano de 1964 adquire uma nova propriedade no município de Itaberá, localizada na divisa do estado de São Paulo com Paraná, onde é a pioneira no plantio de frutas cítricas. Nessa mesma década, em 1968, adquire um Box no Mercado Municipal de Curitiba no Paraná e em 1976 passa a atuar no Ceasa da capital paranaense, onde atualmente possui 2 pontos de vendas.
A 2ª Guerra Mundial conduz a paralisação dos negócios pelos anos de 1939 a 1945 (período da guerra).Retomando lentamente as atividades produtivas e comerciais no contexto pós-guerra.Em 1949, falece Constante Baptistella e seus filhos passam a gerir os negócios. É a partir deste momento que o primogênito Antonio Baptistella inicia um trabalho importante para o ramo da citricultura no estado de São Paulo. Passam a atuar no Mercado Municipal de São Paulo com marca ABI, sigla formada com suas iniciais e seus irmãos.
Hoje a empresa encontra-se na sua terceira geração, sendo administrada pelos filhos de Antonio Baptistella.A produção, beneficiamento e escoamento encontram-se localizados na cidade de Itaberá, com exceção das estufas para formação de mudas certificadas, que estão localizadas na cidade de Limeira. O beneficiamento ocupa uma área de 10.000 m² com 4 pavilhões, equipados para recepção, lavagem, secagem, classificação e embalagem das frutas.
NOSSA HISTÓRIA
Nossa história começa com Constante Baptistella, o qual vivendo a crise do café da década de 20 observa uma nova oportunidade no comércio de laranjas. Dessa forma, adquire uma propriedade na cidade de Limeira, no interior de São Paulo, dando início a uma pequena plantação de laranjas. Com trabalho familiar, executa todas as etapas da produção – como colheita, embalagem e transporte. A estagnação da comercialização local induz a busca de novos mercados. A cidade escolhida é São Paulo e o local o mercado velho da rua 25 de Março (conhecido na época como Mercado das Estrelas).
Em 1955 na quarta festa da laranja, ganha o primeiro prêmio da melhor “Mexerica” e “Laranja Lima” resultado de seu esforço no setor. A empresa, agora liderada pelos irmãos, dando continuidade ao se projeto de expansão no ano de 1964 adquire uma nova propriedade no município de Itaberá, localizada na divisa do estado de São Paulo com Paraná, onde é a pioneira no plantio de frutas cítricas. Nessa mesma década, em 1968, adquire um Box no Mercado Municipal de Curitiba no Paraná e em 1976 passa a atuar no Ceasa da capital paranaense, onde atualmente possui 2 pontos de vendas.
A 2ª Guerra Mundial conduz a paralisação dos negócios pelos anos de 1939 a 1945 (período da guerra).Retomando lentamente as atividades produtivas e comerciais no contexto pós-guerra.Em 1949, falece Constante Baptistella e seus filhos passam a gerir os negócios. É a partir deste momento que o primogênito Antonio Baptistella inicia um trabalho importante para o ramo da citricultura no estado de São Paulo. Passam a atuar no Mercado Municipal de São Paulo com marca ABI, sigla formada com suas iniciais e seus irmãos.
Hoje a empresa encontra-se na sua terceira geração, sendo administrada pelos filhos de Antonio Baptistella.A produção, beneficiamento e escoamento encontram-se localizados na cidade de Itaberá, com exceção das estufas para formação de mudas certificadas, que estão localizadas na cidade de Limeira. O beneficiamento ocupa uma área de 10.000 m² com 4 pavilhões, equipados para recepção, lavagem, secagem, classificação e embalagem das frutas.
NOSSA HISTÓRIA
Nossa história começa com Constante Baptistella, o qual vivendo a crise do café da década de 20 observa uma nova oportunidade no comércio de laranjas. Dessa forma, adquire uma propriedade na cidade de Limeira, no interior de São Paulo, dando início a uma pequena plantação de laranjas. Com trabalho familiar, executa todas as etapas da produção – como colheita, embalagem e transporte. A estagnação da comercialização local induz a busca de novos mercados. A cidade escolhida é São Paulo e o local o mercado velho da rua 25 de Março (conhecido na época como Mercado das Estrelas).
Em 1955 na quarta festa da laranja, ganha o primeiro prêmio da melhor “Mexerica” e “Laranja Lima” resultado de seu esforço no setor. A empresa, agora liderada pelos irmãos, dando continuidade ao se projeto de expansão no ano de 1964 adquire uma nova propriedade no município de Itaberá, localizada na divisa do estado de São Paulo com Paraná, onde é a pioneira no plantio de frutas cítricas. Nessa mesma década, em 1968, adquire um Box no Mercado Municipal de Curitiba no Paraná e em 1976 passa a atuar no Ceasa da capital paranaense, onde atualmente possui 2 pontos de vendas.
A 2ª Guerra Mundial conduz a paralisação dos negócios pelos anos de 1939 a 1945 (período da guerra).Retomando lentamente as atividades produtivas e comerciais no contexto pós-guerra.Em 1949, falece Constante Baptistella e seus filhos passam a gerir os negócios. É a partir deste momento que o primogênito Antonio Baptistella inicia um trabalho importante para o ramo da citricultura no estado de São Paulo. Passam a atuar no Mercado Municipal de São Paulo com marca ABI, sigla formada com suas iniciais e seus irmãos.
Hoje a empresa encontra-se na sua terceira geração, sendo administrada pelos filhos de Antonio Baptistella.A produção, beneficiamento e escoamento encontram-se localizados na cidade de Itaberá, com exceção das estufas para formação de mudas certificadas, que estão localizadas na cidade de Limeira. O beneficiamento ocupa uma área de 10.000 m² com 4 pavilhões, equipados para recepção, lavagem, secagem, classificação e embalagem das frutas.
NOSSA HISTÓRIA
Nossa história começa com Constante Baptistella, o qual vivendo a crise do café da década de 20 observa uma nova oportunidade no comércio de laranjas. Dessa forma, adquire uma propriedade na cidade de Limeira, no interior de São Paulo, dando início a uma pequena plantação de laranjas. Com trabalho familiar, executa todas as etapas da produção – como colheita, embalagem e transporte. A estagnação da comercialização local induz a busca de novos mercados. A cidade escolhida é São Paulo e o local o mercado velho da rua 25 de Março (conhecido na época como Mercado das Estrelas).
A 2ª Guerra Mundial conduz a paralisação dos negócios pelos anos de 1939 a 1945 (período da guerra).Retomando lentamente as atividades produtivas e comerciais no contexto pós-guerra.Em 1949, falece Constante Baptistella e seus filhos passam a gerir os negócios. É a partir deste momento que o primogênito Antonio Baptistella inicia um trabalho importante para o ramo da citricultura no estado de São Paulo. Passam a atuar no Mercado Municipal de São Paulo com marca ABI, sigla formada com suas iniciais e seus irmãos.
Em 1955 na quarta festa da laranja, ganha o primeiro prêmio da melhor “Mexerica” e “Laranja Lima” resultado de seu esforço no setor. A empresa, agora liderada pelos irmãos, dando continuidade ao se projeto de expansão no ano de 1964 adquire uma nova propriedade no município de Itaberá, localizada na divisa do estado de São Paulo com Paraná, onde é a pioneira no plantio de frutas cítricas. Nessa mesma década, em 1968, adquire um Box no Mercado Municipal de Curitiba no Paraná e em 1976 passa a atuar no Ceasa da capital paranaense, onde atualmente possui 2 pontos de vendas.
Hoje a empresa encontra-se na sua terceira geração, sendo administrada pelos filhos de Antonio Baptistella.A produção, beneficiamento e escoamento encontram-se localizados na cidade de Itaberá, com exceção das estufas para formação de mudas certificadas, que estão localizadas na cidade de Limeira. O beneficiamento ocupa uma área de 10.000 m² com 4 pavilhões, equipados para recepção, lavagem, secagem, classificação e embalagem das frutas.
NOSSA HISTÓRIA
Nossa história começa com Constante Baptistella, o qual vivendo a crise do café da década de 20 observa uma nova oportunidade no comércio de laranjas. Dessa forma, adquire uma propriedade na cidade de Limeira, no interior de São Paulo, dando início a uma pequena plantação de laranjas. Com trabalho familiar, executa todas as etapas da produção – como colheita, embalagem e transporte. A estagnação da comercialização local induz a busca de novos mercados. A cidade escolhida é São Paulo e o local o mercado velho da rua 25 de Março (conhecido na época como Mercado das Estrelas).
Em 1955 na quarta festa da laranja, ganha o primeiro prêmio da melhor “Mexerica” e “Laranja Lima” resultado de seu esforço no setor. A empresa, agora liderada pelos irmãos, dando continuidade ao se projeto de expansão no ano de 1964 adquire uma nova propriedade no município de Itaberá, localizada na divisa do estado de São Paulo com Paraná, onde é a pioneira no plantio de frutas cítricas. Nessa mesma década, em 1968, adquire um Box no Mercado Municipal de Curitiba no Paraná e em 1976 passa a atuar no Ceasa da capital paranaense, onde atualmente possui 2 pontos de vendas.
A 2ª Guerra Mundial conduz a paralisação dos negócios pelos anos de 1939 a 1945 (período da guerra).Retomando lentamente as atividades produtivas e comerciais no contexto pós-guerra.Em 1949, falece Constante Baptistella e seus filhos passam a gerir os negócios. É a partir deste momento que o primogênito Antonio Baptistella inicia um trabalho importante para o ramo da citricultura no estado de São Paulo. Passam a atuar no Mercado Municipal de São Paulo com marca ABI, sigla formada com suas iniciais e seus irmãos.
Hoje a empresa encontra-se na sua terceira geração, sendo administrada pelos filhos de Antonio Baptistella.A produção, beneficiamento e escoamento encontram-se localizados na cidade de Itaberá, com exceção das estufas para formação de mudas certificadas, que estão localizadas na cidade de Limeira. O beneficiamento ocupa uma área de 10.000 m² com 4 pavilhões, equipados para recepção, lavagem, secagem, classificação e embalagem das frutas.
NOSSA HISTÓRIA
Nossa história começa com Constante Baptistella, o qual vivendo a crise do café da década de 20 observa uma nova oportunidade no comércio de laranjas. Dessa forma, adquire uma propriedade na cidade de Limeira, no interior de São Paulo, dando início a uma pequena plantação de laranjas. Com trabalho familiar, executa todas as etapas da produção – como colheita, embalagem e transporte. A estagnação da comercialização local induz a busca de novos mercados. A cidade escolhida é São Paulo e o local o mercado velho da rua 25 de Março (conhecido na época como Mercado das Estrelas).
A 2ª Guerra Mundial conduz a paralisação dos negócios pelos anos de 1939 a 1945 (período da guerra).Retomando lentamente as atividades produtivas e comerciais no contexto pós-guerra.Em 1949, falece Constante Baptistella e seus filhos passam a gerir os negócios. É a partir deste momento que o primogênito Antonio Baptistella inicia um trabalho importante para o ramo da citricultura no estado de São Paulo. Passam a atuar no Mercado Municipal de São Paulo com marca ABI, sigla formada com suas iniciais e seus irmãos.
Em 1955 na quarta festa da laranja, ganha o primeiro prêmio da melhor “Mexerica” e “Laranja Lima” resultado de seu esforço no setor. A empresa, agora liderada pelos irmãos, dando continuidade ao se projeto de expansão no ano de 1964 adquire uma nova propriedade no município de Itaberá, localizada na divisa do estado de São Paulo com Paraná, onde é a pioneira no plantio de frutas cítricas. Nessa mesma década, em 1968, adquire um Box no Mercado Municipal de Curitiba no Paraná e em 1976 passa a atuar no Ceasa da capital paranaense, onde atualmente possui 2 pontos de vendas.
Hoje a empresa encontra-se na sua terceira geração, sendo administrada pelos filhos de Antonio Baptistella.A produção, beneficiamento e escoamento encontram-se localizados na cidade de Itaberá, com exceção das estufas para formação de mudas certificadas, que estão localizadas na cidade de Limeira. O beneficiamento ocupa uma área de 10.000 m² com 4 pavilhões, equipados para recepção, lavagem, secagem, classificação e embalagem das frutas.
NOSSA HISTÓRIA
Nossa história começa com Constante Baptistella, o qual vivendo a crise do café da década de 20 observa uma nova oportunidade no comércio de laranjas. Dessa forma, adquire uma propriedade na cidade de Limeira, no interior de São Paulo, dando início a uma pequena plantação de laranjas. Com trabalho familiar, executa todas as etapas da produção – como colheita, embalagem e transporte. A estagnação da comercialização local induz a busca de novos mercados. A cidade escolhida é São Paulo e o local o mercado velho da rua 25 de Março (conhecido na época como Mercado das Estrelas).
A 2ª Guerra Mundial conduz a paralisação dos negócios pelos anos de 1939 a 1945 (período da guerra).Retomando lentamente as atividades produtivas e comerciais no contexto pós-guerra.Em 1949, falece Constante Baptistella e seus filhos passam a gerir os negócios. É a partir deste momento que o primogênito Antonio Baptistella inicia um trabalho importante para o ramo da citricultura no estado de São Paulo. Passam a atuar no Mercado Municipal de São Paulo com marca ABI, sigla formada com suas iniciais e seus irmãos.
Em 1955 na quarta festa da laranja, ganha o primeiro prêmio da melhor “Mexerica” e “Laranja Lima” resultado de seu esforço no setor. A empresa, agora liderada pelos irmãos, dando continuidade ao se projeto de expansão no ano de 1964 adquire uma nova propriedade no município de Itaberá, localizada na divisa do estado de São Paulo com Paraná, onde é a pioneira no plantio de frutas cítricas. Nessa mesma década, em 1968, adquire um Box no Mercado Municipal de Curitiba no Paraná e em 1976 passa a atuar no Ceasa da capital paranaense, onde atualmente possui 2 pontos de vendas.
Hoje a empresa encontra-se na sua terceira geração, sendo administrada pelos filhos de Antonio Baptistella.A produção, beneficiamento e escoamento encontram-se localizados na cidade de Itaberá, com exceção das estufas para formação de mudas certificadas, que estão localizadas na cidade de Limeira. O beneficiamento ocupa uma área de 10.000 m² com 4 pavilhões, equipados para recepção, lavagem, secagem, classificação e embalagem das frutas.
NOSSA HISTÓRIA
Nossa história começa com Constante Baptistella, o qual vivendo a crise do café da década de 20 observa uma nova oportunidade no comércio de laranjas. Dessa forma, adquire uma propriedade na cidade de Limeira, no interior de São Paulo, dando início a uma pequena plantação de laranjas. Com trabalho familiar, executa todas as etapas da produção – como colheita, embalagem e transporte. A estagnação da comercialização local induz a busca de novos mercados. A cidade escolhida é São Paulo e o local o mercado velho da rua 25 de Março (conhecido na época como Mercado das Estrelas).
A 2ª Guerra Mundial conduz a paralisação dos negócios pelos anos de 1939 a 1945 (período da guerra).Retomando lentamente as atividades produtivas e comerciais no contexto pós-guerra.Em 1949, falece Constante Baptistella e seus filhos passam a gerir os negócios. É a partir deste momento que o primogênito Antonio Baptistella inicia um trabalho importante para o ramo da citricultura no estado de São Paulo. Passam a atuar no Mercado Municipal de São Paulo com marca ABI, sigla formada com suas iniciais e seus irmãos.
Em 1955 na quarta festa da laranja, ganha o primeiro prêmio da melhor “Mexerica” e “Laranja Lima” resultado de seu esforço no setor. A empresa, agora liderada pelos irmãos, dando continuidade ao se projeto de expansão no ano de 1964 adquire uma nova propriedade no município de Itaberá, localizada na divisa do estado de São Paulo com Paraná, onde é a pioneira no plantio de frutas cítricas. Nessa mesma década, em 1968, adquire um Box no Mercado Municipal de Curitiba no Paraná e em 1976 passa a atuar no Ceasa da capital paranaense, onde atualmente possui 2 pontos de vendas.
Hoje a empresa encontra-se na sua terceira geração, sendo administrada pelos filhos de Antonio Baptistella.A produção, beneficiamento e escoamento encontram-se localizados na cidade de Itaberá, com exceção das estufas para formação de mudas certificadas, que estão localizadas na cidade de Limeira. O beneficiamento ocupa uma área de 10.000 m² com 4 pavilhões, equipados para recepção, lavagem, secagem, classificação e embalagem das frutas.
NOSSA HISTÓRIA
Nossa história começa com Constante Baptistella, o qual vivendo a crise do café da década de 20 observa uma nova oportunidade no comércio de laranjas. Dessa forma, adquire uma propriedade na cidade de Limeira, no interior de São Paulo, dando início a uma pequena plantação de laranjas. Com trabalho familiar, executa todas as etapas da produção – como colheita, embalagem e transporte. A estagnação da comercialização local induz a busca de novos mercados. A cidade escolhida é São Paulo e o local o mercado velho da rua 25 de Março (conhecido na época como Mercado das Estrelas).
A 2ª Guerra Mundial conduz a paralisação dos negócios pelos anos de 1939 a 1945 (período da guerra).Retomando lentamente as atividades produtivas e comerciais no contexto pós-guerra.Em 1949, falece Constante Baptistella e seus filhos passam a gerir os negócios. É a partir deste momento que o primogênito Antonio Baptistella inicia um trabalho importante para o ramo da citricultura no estado de São Paulo. Passam a atuar no Mercado Municipal de São Paulo com marca ABI, sigla formada com suas iniciais e seus irmãos.
Em 1955 na quarta festa da laranja, ganha o primeiro prêmio da melhor “Mexerica” e “Laranja Lima” resultado de seu esforço no setor. A empresa, agora liderada pelos irmãos, dando continuidade ao se projeto de expansão no ano de 1964 adquire uma nova propriedade no município de Itaberá, localizada na divisa do estado de São Paulo com Paraná, onde é a pioneira no plantio de frutas cítricas. Nessa mesma década, em 1968, adquire um Box no Mercado Municipal de Curitiba no Paraná e em 1976 passa a atuar no Ceasa da capital paranaense, onde atualmente possui 2 pontos de vendas.
Hoje a empresa encontra-se na sua terceira geração, sendo administrada pelos filhos de Antonio Baptistella.A produção, beneficiamento e escoamento encontram-se localizados na cidade de Itaberá, com exceção das estufas para formação de mudas certificadas, que estão localizadas na cidade de Limeira. O beneficiamento ocupa uma área de 10.000 m² com 4 pavilhões, equipados para recepção, lavagem, secagem, classificação e embalagem das frutas.
NOSSA HISTÓRIA
Nossa história começa com Constante Baptistella, o qual vivendo a crise do café da década de 20 observa uma nova oportunidade no comércio de laranjas. Dessa forma, adquire uma propriedade na cidade de Limeira, no interior de São Paulo, dando início a uma pequena plantação de laranjas. Com trabalho familiar, executa todas as etapas da produção – como colheita, embalagem e transporte. A estagnação da comercialização local induz a busca de novos mercados. A cidade escolhida é São Paulo e o local o mercado velho da rua 25 de Março (conhecido na época como Mercado das Estrelas).
A 2ª Guerra Mundial conduz a paralisação dos negócios pelos anos de 1939 a 1945 (período da guerra).Retomando lentamente as atividades produtivas e comerciais no contexto pós-guerra.Em 1949, falece Constante Baptistella e seus filhos passam a gerir os negócios. É a partir deste momento que o primogênito Antonio Baptistella inicia um trabalho importante para o ramo da citricultura no estado de São Paulo. Passam a atuar no Mercado Municipal de São Paulo com marca ABI, sigla formada com suas iniciais e seus irmãos.
Em 1955 na quarta festa da laranja, ganha o primeiro prêmio da melhor “Mexerica” e “Laranja Lima” resultado de seu esforço no setor. A empresa, agora liderada pelos irmãos, dando continuidade ao se projeto de expansão no ano de 1964 adquire uma nova propriedade no município de Itaberá, localizada na divisa do estado de São Paulo com Paraná, onde é a pioneira no plantio de frutas cítricas. Nessa mesma década, em 1968, adquire um Box no Mercado Municipal de Curitiba no Paraná e em 1976 passa a atuar no Ceasa da capital paranaense, onde atualmente possui 2 pontos de vendas.
Hoje a empresa encontra-se na sua terceira geração, sendo administrada pelos filhos de Antonio Baptistella.A produção, beneficiamento e escoamento encontram-se localizados na cidade de Itaberá, com exceção das estufas para formação de mudas certificadas, que estão localizadas na cidade de Limeira. O beneficiamento ocupa uma área de 10.000 m² com 4 pavilhões, equipados para recepção, lavagem, secagem, classificação e embalagem das frutas.
NOSSA HISTÓRIA Nossa história começa com Constante Baptistella, o qual vivendo a crise do café da década de 20 observa uma nova oportunidade no comércio de laranjas. Dessa forma, adquire uma propriedade na cidade de Limeira, no interior de São Paulo, dando início a uma pequena plantação de laranjas. Com trabalho familiar, executa todas as etapas da produção – como colheita, embalagem e transporte. A estagnação da comercialização local induz a busca de novos mercados. A cidade escolhida é São Paulo e o local o mercado velho da rua 25 de Março (conhecido na época como Mercado das Estrelas).
A 2ª Guerra Mundial conduz a paralisação dos negócios pelos anos de 1939 a 1945 (período da guerra).Retomando lentamente as atividades produtivas e comerciais no contexto pós-guerra.Em 1949, falece Constante Baptistella e seus filhos passam a gerir os negócios. É a partir deste momento que o primogênito Antonio Baptistella inicia um trabalho importante para o ramo da citricultura no estado de São Paulo. Passam a atuar no Mercado Municipal de São Paulo com marca ABI, sigla formada com suas iniciais e seus irmãos.
Em 1955 na quarta festa da laranja, ganha o primeiro prêmio da melhor “Mexerica” e “Laranja Lima” resultado de seu esforço no setor. A empresa, agora liderada pelos irmãos, dando continuidade ao se projeto de expansão no ano de 1964 adquire uma nova propriedade no município de Itaberá, localizada na divisa do estado de São Paulo com Paraná, onde é a pioneira no plantio de frutas cítricas. Nessa mesma década, em 1968, adquire um Box no Mercado Municipal de Curitiba no Paraná e em 1976 passa a atuar no Ceasa da capital paranaense, onde atualmente possui 2 pontos de vendas.
NOSSA HISTÓRIA Nossa história começa com Constante Baptistella, o qual vivendo a crise do café da década de 20 observa uma nova oportunidade no comércio de laranjas. Dessa forma, adquire uma propriedade na cidade de Limeira, no interior de São Paulo, dando início a uma pequena plantação de laranjas. Com trabalho familiar, executa todas as etapas da produção – como colheita, embalagem e transporte. A estagnação da comercialização local induz a busca de novos mercados. A cidade escolhida é São Paulo e o local o mercado velho da rua 25 de Março (conhecido na época como Mercado das Estrelas).
A 2ª Guerra Mundial conduz a paralisação dos negócios pelos anos de 1939 a 1945 (período da guerra).Retomando lentamente as atividades produtivas e comerciais no contexto pós-guerra.Em 1949, falece Constante Baptistella e seus filhos passam a gerir os negócios. É a partir deste momento que o primogênito Antonio Baptistella inicia um trabalho importante para o ramo da citricultura no estado de São Paulo. Passam a atuar no Mercado Municipal de São Paulo com marca ABI, sigla formada com suas iniciais e seus irmãos.
Em 1955 na quarta festa da laranja, ganha o primeiro prêmio da melhor “Mexerica” e “Laranja Lima” resultado de seu esforço no setor. A empresa, agora liderada pelos irmãos, dando continuidade ao se projeto de expansão no ano de 1964 adquire uma nova propriedade no município de Itaberá, localizada na divisa do estado de São Paulo com Paraná, onde é a pioneira no plantio de frutas cítricas. Nessa mesma década, em 1968, adquire um Box no Mercado Municipal de Curitiba no Paraná e em 1976 passa a atuar no Ceasa da capital paranaense, onde atualmente possui 2 pontos de vendas.
NOSSA HISTÓRIA Nossa história começa com Constante Baptistella, o qual vivendo a crise do café da década de 20 observa uma nova oportunidade no comércio de laranjas. Dessa forma, adquire uma propriedade na cidade de Limeira, no interior de São Paulo, dando início a uma pequena plantação de laranjas. Com trabalho familiar, executa todas as etapas da produção – como colheita, embalagem e transporte. A estagnação da comercialização local induz a busca de novos mercados. A cidade escolhida é São Paulo e o local o mercado velho da rua 25 de Março (conhecido na época como Mercado das Estrelas).
A 2ª Guerra Mundial conduz a paralisação dos negócios pelos anos de 1939 a 1945 (período da guerra).Retomando lentamente as atividades produtivas e comerciais no contexto pós-guerra.Em 1949, falece Constante Baptistella e seus filhos passam a gerir os negócios. É a partir deste momento que o primogênito Antonio Baptistella inicia um trabalho importante para o ramo da citricultura no estado de São Paulo. Passam a atuar no Mercado Municipal de São Paulo com marca ABI, sigla formada com suas iniciais e seus irmãos.
Em 1955 na quarta festa da laranja, ganha o primeiro prêmio da melhor “Mexerica” e “Laranja Lima” resultado de seu esforço no setor. A empresa, agora liderada pelos irmãos, dando continuidade ao se projeto de expansão no ano de 1964 adquire uma nova propriedade no município de Itaberá, localizada na divisa do estado de São Paulo com Paraná, onde é a pioneira no plantio de frutas cítricas. Nessa mesma década, em 1968, adquire um Box no Mercado Municipal de Curitiba no Paraná e em 1976 passa a atuar no Ceasa da capital paranaense, onde atualmente possui 2 pontos de vendas.
NOSSA HISTÓRIA Nossa história começa com Constante Baptistella, o qual vivendo a crise do café da década de 20 observa uma nova oportunidade no comércio de laranjas. Dessa forma, adquire uma propriedade na cidade de Limeira, no interior de São Paulo, dando início a uma pequena plantação de laranjas. Com trabalho familiar, executa todas as etapas da produção – como colheita, embalagem e transporte. A estagnação da comercialização local induz a busca de novos mercados. A cidade escolhida é São Paulo e o local o mercado velho da rua 25 de Março (conhecido na época como Mercado das Estrelas).
A 2ª Guerra Mundial conduz a paralisação dos negócios pelos anos de 1939 a 1945 (período da guerra).Retomando lentamente as atividades produtivas e comerciais no contexto pós-guerra.Em 1949, falece Constante Baptistella e seus filhos passam a gerir os negócios. É a partir deste momento que o primogênito Antonio Baptistella inicia um trabalho importante para o ramo da citricultura no estado de São Paulo. Passam a atuar no Mercado Municipal de São Paulo com marca ABI, sigla formada com suas iniciais e seus irmãos.
Em 1955 na quarta festa da laranja, ganha o primeiro prêmio da melhor “Mexerica” e “Laranja Lima” resultado de seu esforço no setor. A empresa, agora liderada pelos irmãos, dando continuidade ao se projeto de expansão no ano de 1964 adquire uma nova propriedade no município de Itaberá, localizada na divisa do estado de São Paulo com Paraná, onde é a pioneira no plantio de frutas cítricas. Nessa mesma década, em 1968, adquire um Box no Mercado Municipal de Curitiba no Paraná e em 1976 passa a atuar no Ceasa da capital paranaense, onde atualmente possui 2 pontos de vendas.
NOSSA HISTÓRIA Nossa história começa com Constante Baptistella, o qual vivendo a crise do café da década de 20 observa uma nova oportunidade no comércio de laranjas. Dessa forma, adquire uma propriedade na cidade de Limeira, no interior de São Paulo, dando início a uma pequena plantação de laranjas. Com trabalho familiar, executa todas as etapas da produção – como colheita, embalagem e transporte. A estagnação da comercialização local induz a busca de novos mercados. A cidade escolhida é São Paulo e o local o mercado velho da rua 25 de Março (conhecido na época como Mercado das Estrelas).
A 2ª Guerra Mundial conduz a paralisação dos negócios pelos anos de 1939 a 1945 (período da guerra).Retomando lentamente as atividades produtivas e comerciais no contexto pós-guerra.Em 1949, falece Constante Baptistella e seus filhos passam a gerir os negócios. É a partir deste momento que o primogênito Antonio Baptistella inicia um trabalho importante para o ramo da citricultura no estado de São Paulo. Passam a atuar no Mercado Municipal de São Paulo com marca ABI, sigla formada com suas iniciais e seus irmãos.
Em 1955 na quarta festa da laranja, ganha o primeiro prêmio da melhor “Mexerica” e “Laranja Lima” resultado de seu esforço no setor. A empresa, agora liderada pelos irmãos, dando continuidade ao se projeto de expansão no ano de 1964 adquire uma nova propriedade no município de Itaberá, localizada na divisa do estado de São Paulo com Paraná, onde é a pioneira no plantio de frutas cítricas. Nessa mesma década, em 1968, adquire um Box no Mercado Municipal de Curitiba no Paraná e em 1976 passa a atuar no Ceasa da capital paranaense, onde atualmente possui 2 pontos de vendas.
NOSSA HISTÓRIA
Nossa história começa com Constante Baptistella, o qual vivendo a crise do café da década de 20 observa uma nova oportunidade no comércio de laranjas. Dessa forma, adquire uma propriedade na cidade de Limeira, no interior de São Paulo, dando início a uma pequena plantação de laranjas. Com trabalho familiar, executa todas as etapas da produção – como colheita, embalagem e transporte. A estagnação da comercialização local induz a busca de novos mercados. A cidade escolhida é São Paulo e o local o mercado velho da rua 25 de Março (conhecido na época como Mercado das Estrelas). A 2ª Guerra Mundial conduz a paralisação dos negócios pelos anos de 1939 a 1945 (período da guerra). Retomando lentamente as atividades produtivas e comerciais no contexto pós-guerra. Em 1949, falece Constante Baptistella e seus filhos passam a gerir os negócios. É a partir deste momento que o primogênito Antonio Baptistella inicia um trabalho importante para o ramo da citricultura no estado de São Paulo. Passam a atuar no Mercado Municipal de São Paulo com a marca ABI, sigla formada com suas iniciais e seus irmãos.
Em 1955 na quarta festa da laranja, ganha o primeiro prêmio da melhor “Mexerica” e “Laranja Lima” resultado de seu esforço no setor. A empresa, agora liderada pelos irmãos, dando continuidade ao seu projeto de expansão no ano de 1964 adquire uma nova propriedade no município de Itaberá, localizada na divisa do estado de São Paulo com Paraná, onde é a pioneira no plantio de frutas cítricas. Nessa mesma década, em 1968, adquire um Box no Mercado Municipal de Curitiba no Paraná e em 1976 passa a atuar no Ceasa da capital paranaense, onde atualmente possui 2 pontos de vendas.
Hoje a empresa encontra-se na sua terceira geração, sendo administrada pelos filhos de Antonio Baptistella. A produção, beneficiamento e escoamento encontram-se localizados na cidade de Itaberá, com exceção das estufas para formação de mudas certificadas, que estão localizadas na cidade de Limeira. O beneficiamento ocupa uma área de 10.000 m² com 4 pavilhões, equipados para a recepção, lavagem, secagem, classificação e embalagem das frutas.
© ABI Frutas - ABI Comércio e Transporte de Frutas e Cereais Ltda.